Tocando agora:

...

...

Paul McCartney faz revelação sobre o fim dos Beatles

11 de outubro de 2021

Paul McCartney deu entrevista à rádio BBC 4 e fez uma revelação sobre o fim dos Beatles: “Eu não instiguei a separação. Isso foi nosso Johnny. Não fui eu a pessoa que instigou a separação. Não, não, não… John entrou na sala um dia e disse ‘estou saindo dos Beatles’. Ele disse que era muito emocionante, quase como um divórcio. E nós ficamos ali, juntando os caquinhos”. Durante 50 anos, Paul McCartney foi apontado como detonador da separação dos Beatles. A suposta prova foi um texto para a imprensa sobre seu disco solo de 1970, que revelou que ele estava “em um intervalo” (“on a break”) das atividades com o grupo.

No “press release”, Paul, fazendo uma auto-entrevista, dizia que “não conseguia enxergar a parceria Lennon e McCartney sendo reativada novamente”. O jornalista John Wilson, da BBC, perguntou a Paul se os Beatles poderiam ter continuado. A resposta foi: “Eu poderia ter continuado. O ponto é que John estava fazendo uma vida nova com a Yoki e queria… ficar uma semana deitado na cama em Amsterdã fazendo um apelo à paz mundial. Não dava pra ir contra isso. Foi o período mais difícil da minha vida”. Paul garantiu que, na época, queria que o grupo continuasse. “Era a minha banda, o meu emprego, a minha vida. A gente estava fazendo coisas muito boas: ‘Abbey Road’, ‘Let it Be’…” Paul culpou o empresário Allen Klein, que estava começando a trabalhar com a banda, disse que precisava de um tempo para ajustar as coisas.

No fim das contas, ele acabou processando os outros integrantes da banda para dissolver a relação contratual que tinham – segundo Paul, para impedir que o empresário tivesse controle sobre as músicas dos Beatles. “Eu tive que lutar. Eles estavam do lado do Klein, o único jeito era processar mesmo. Anos depois, eles me agradeceram. Foi graças a isso que pudemos fazer o ‘Anthology’ e agora o documentário ‘Get Back’.” Essa entrevista do Paul vai ao ar na BBC no dia 23 de outubro. ‘Get Back’ será exibido em três episódios, a partir de 25 de novembro.