Tocando agora:

...

...

Ian Gillan, do Deep Purple, conta como se “acostumou” com celulares nos shows

30 de julho de 2020

Ian Gillan, do Deep Purple, recentemente disse em sua entrevista com a Fox News, que passou a não se incomodar mais com seus fãs filmando os shows com aparelhos eletrônicos. Ele conta como achou estranho no começo, mas percebeu que “gerações mudam” e que “não fazia mais sentido tentar resistir essa nova onda”. 

Ian Gillan faz parte de uma geração mais antiga dos ícones da música e até brincou em sua entrevista dizendo que está “velho demais”. Ele realçou que não entendia “a necessidade das pessoas de postarem tudo e estar constantemente se comunicando”. Mas, com a chegada da pandemia, o artista reconheceu a importância do celular, que é o que o mantém conectado com os amigos durante este tempo de isolamento.

Nem todos artistas mudaram seus pensamentos como Gillan. De acordo com reportagem da Blabbermouth, Sully Erna, do Godsmack, disse ao podcast “The Eddie Trunk”: “eu acredito que as vezes você precisa se permitir curtir o momento e sabe que você irá guardá-lo em sua memória – você vai sempre ter essa memória”. Do mesmo modo, Sebastian Bach, o vocalista de Skid Row, já pediu aos fãs em seu show de 2015 que “pusessem seus celulares no bolso e assistam a performance”

A entrevista completa você confere clicando aqui.

Por: Sofia Londres