Tocando agora:

...

...

Em documentário, Ronnie Wood fala sobre envelhecimento e como venceu câncer de pulmão

21 de maio de 2020

Ronnie Wood, 72 anos, admitiu que “nunca superou os 29” em sua cabeça e que se sente “enganado” pela vida acontecendo tão rapidamente em seu novo documentário “Somebody Up There Like Me”, que tem lançamento marcado para 6 de junho no Reino Unido pela Sky TV.

O filme revisita toda carreira do músico, desde os tempos de The Faces até suas icônicas atuações com o Rolling Stones, onde permanece até hoje.

A lenda dos Stones também discutiu sobre como venceu o câncer de pulmão em 2017, depois de fumar 25 a 30 por dia por pelo menos 50 anos. “Vencer o câncer de pulmão foi como receber uma carta que te livra da cadeia”, revelou o músico.

“Alguém lá em cima gosta de mim, alguém aqui em baixo também”, completou.

No vídeo, Ronnie falou abertamente sobre completar 70 anos e admitiu que era “surreal”, pois ele não esperava que o tempo passasse tão rapidamente.

Ele disse: “Eu nunca superei os 29 na minha cabeça, sabe, então ter 70 anos é tão estranho. É como estar em uma pintura de [Salvador] Dalí. É muito surreal porque eu não esperava que o tempo passasse tão rápido, você se sente quase trapaceado de verdade.”

Confira o teaser de “Somebody Up There Like Me”:

#cidadecontraocoronavirus #FiqueEmCasa